Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura - Logótipo
secretariado nacional da
pastoral da cultura
Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura - Logótipo
secretariado nacional da
pastoral da cultura

Usar o tempo

«Aqueles que empregam mal o tempo, são os primeiros a lamentar-se que passa demasiado depressa.» A agenda que tenho à minha frente diz que, se Deus quiser, tenho ainda 262 dias para viver em 2019, mas que 103 já desapareceram.

Sobre a realidade do tempo deteve-se ao longo dos séculos a acuidade dos filósofos, mais do que a dos cientistas, até porque se trata de uma das dimensões capitais da nossa existência, muito mais relevante do que a do espaço. Cada hora que goteja não é, com efeito, apenas um salto no relógio cósmico, é sobretudo uma porção da nossa vida que se consuma.

É Jean La Bruyère, escritor moralista do século XVII, que hoje nos oferece uma das muitas considerações sobre o uso do tempo.

Podemos transcrevê-la com uma experiência que todos fazem: quando se tem um favor a pedir a alguém, nunca se deve ir ter com quem tem pouco que fazer, porque dir-te-á sempre que está demasiado ocupado. É preferível, antes, dirigir-se àquela pessoas das mil e uma atividades, e verás que arranjará tempo para te ajudar.

E isto nem sempre porque o primeiro é preguiçoso, mas sobretudo porque emprega mal o tempo e, portanto, apesar de ter diante de si um arco de dias amplo, lamentar-se-á sempre de que «o tempo passa demasiado depressa». Saber usar bem o tempo é uma arte, e não apenas uma virtude.

Gostaria de concluir com uma variação sobre o tema, extraindo-a da “Arte de amar”, de Erich Fromm: «O homem moderno faz as coisas à pressa para não perder tempo, mas depois não sabe o que fazer do tempo ganho, a não ser matá-lo».


 

P. (Card.) Gianfranco Ravasi
In Avvenire
Trad.: Rui Jorge Martins
Imagem: Ilya.K/Bigstock.com
Publicado em 13.04.2019

 

 
Relacionados
Destaque
Pastoral da Cultura
Vemos, ouvimos e lemos
Perspetivas
Papa Francisco
Teologia e beleza
Impressão digital
Pedras angulares
Paisagens
Umbrais
Mais Cultura
Vídeos