Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura - Logótipo
secretariado nacional da
pastoral da cultura
Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura - Logótipo
secretariado nacional da
pastoral da cultura

«Nada temas» foi um dos termos da Bíblia mais pesquisados na internet em ano de pandemia

A aplicação “YouVersion Bible”, considerada uma das mais populares do mundo, atingiu em 2020 quase 600 milhões de pesquisas, número 80% acima do ano anterior, aumento possivelmente relacionado com a irrupção da pandemia de Covid-19 e a necessidade de encontrar textos relacionados com o medo, a cura e a esperança.

O versículo 10 do capítulo 41 do livro profético de Isaías foi o mais procurado, em língua inglesa, na aplicação, repetindo o resultado de 2018: «Nada temas, porque Eu estou contigo; não te angusties, porque Eu sou o teu Deus. Eu fortaleço-te e auxilio-te, e amparo-te com a minha mão direita e vitoriosa».

No início do ano, as palavras mais pesquisadas na aplicação s foram «ano novo», «a Bíblia num ano», «fé» e «jejum», mas a partir da aceleração do Covid-19, em março, o termo mais procurado foi «medo». À medida que a pandemia continuava, sobressaíram palavras como «paz», «esperança», «fé» e «justiça», ao passo que «cura» e «amor» foram consistentemente procurados.

O fundador da YouVersion, Bobby Gruenewald, observou que nas dificuldades as pessoas continuam a buscar a Deus, neste ano com mais intensidade através dos meios digitais, não só porque ficaram confinadas em casa durante várias semanas, como, mesmo após o alívio de algumas das medidas mais restritivas, as igrejas tiveram de permanecer fechadas ou com limitações à capacidade de acolhimento.

«Embora 2020 seja um ano que muitos dizem que gostariam de esquecer, nós vemo-lo como um ano para lembrar como Deus usou a aplicação da Bíblia para ajudar muitas pessoas que estão à procura de respostas», assinalou.

«Medo» foi o principal termo de busca na aplicação durante os primeiros meses do ano, dando lugar a «justiça». A palavra «cura» constituiu uma das tendências de procura ao longo de 2020.

Embora de livro bíblico diferente, o versículo mais procurado em 2019 não diferia substancialmente, em conteúdo, do “vencedor deste ano”: «Por nada vos deixeis inquietar; pelo contrário: em tudo, pela oração e pela prece, apresentai os vossos pedidos a Deus em acções de graças» (Carta de S. Paulo aos Filipenses 4,6).



«Doença», «pestilência», «praga», «orar pelo governo», «obedecer à autoridade do governo», «sinais do fim dos tempos», «fim do mundo», «racismo», «justiça», «igualdade» e «opressão» foram palavras-chave



A página “The Bible Gateway” também apresentou resultados semelhantes: versículos relacionados com a ajuda de Deus para curar os doentes atingidos tiveram 90 vezes mais consultas do que a média quando, em março, começaram nos EUA as restrições devidas à Covid-19.

O sítio também relata que as consultas ligadas ao racismo, justiça e opressão foram 100 vezes mais procurados do que a média na semana após a morte de George Floyd, enquanto versículos relacionados com autoridades governamentais tiveram mais de 50 vezes a média das pesquisas no dia da eleição.

Os dois versículos mais procurados em “The Bible Gateway” continuaram a ser os mesmos de anos anteriores: «Tanto amou Deus o mundo, que lhe entregou o seu Filho Unigénito, a fim de que todo o que nele crê não se perca, mas tenha a vida eterna», do Evangelho segundo S. João (3,16), foi o primeiro.

Em segundo lugar, a passagem do profeta Jeremias (29,11): «Eu conheço bem os desígnios que tenho acerca de vós, desígnios de prosperidade e não de calamidade, de vos garantir um futuro de esperança - oráculo do Senhor».

No terceiro lugar, uma novidade, com origem num livro que os peritos na Bíblia integram nas obras históricas: «O meu povo, sobre o qual foi invocado o meu nome, se humilhar e procurar a minha face para orar e renunciar à sua má conduta, hei-de escutá-lo desde o céu, perdoarei os seus pecados e curarei dos males o seu país» (2 Crónicas 7,14).

O excerto foi várias vezes citado em orações pelo presidente dos EUA, Donald Trump, tendo sido o versículo mais procurado no período em torno à sua eleição, em 2016.

«Doença», «pestilência», «praga», «orar pelo governo», «obedecer à autoridade do governo», «sinais do fim dos tempos», «fim do mundo», «racismo», «justiça», «igualdade» e «opressão» foram temas-palavras em “The Bible Gateway”.


 

Rui Jorge Martins
Fontes: Christianity Today, YouVersion, Bible Gateway
Imagem: Rawpixel.com/Bigstock.com
Publicado em 18.12.2020

 

 
Relacionados
Destaque
Pastoral da Cultura
Vemos, ouvimos e lemos
Perspetivas
Papa Francisco
Teologia e beleza
Impressão digital
Pedras angulares
Paisagens
Umbrais
Mais Cultura
Vídeos