Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura - Logótipo
secretariado nacional da
pastoral da cultura
Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura - Logótipo
secretariado nacional da
pastoral da cultura

Diocese de Viseu convida à descoberta da união entre natureza e património

A «exibição semanal de um local da diocese de Viseu, onde se articulam o património e a natureza» é o novo projeto do Departamento de Bens Culturais, intitulado “Vem e vê o que Deus tem para ti”.

A diretora, Fátima Eusébio, espera que a iniciativa «proporcione o (re)conhecimento de património religioso, que pode ser pequeno no tamanho, simples e de formas populares, mas é fruto da fé e do amor das comunidades, que escolheram para a sua implantação locais expressivos da beleza da criação de Deus».

«A exibição de um local para te deixares surpreender, contemplar e experimentar a beleza da harmonia entre a arte, a natureza, a espiritualidade…», convida o texto de apresentação, enviado hoje ao Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura.

A (re)descoberta do território proporciona «fruir do silêncio para restabeleceres laços com a natureza: as cores, os sons, os cheiros», assim como «tempo e espaço para te escutares a ti próprio, te sentires amado e amares».

A ideia é inspirada na encíclica “Laudato si’”, do papa Francisco, sobre o cuidado pela casa comum, que em 2020 assinala cinco anos, em particular num excerto: «O mundo é algo mais do que um problema a resolver; é um mistério gozoso que contemplamos na alegria e no louvor».

A primeira paragem deste roteiro é a capela de Nossa Senhora do Bom Sucesso, em Chãs de Tavares (40º 38' 0.02" N 7º 36' 15.31" W), que remonta, pelo menos, ao século XVIII. Situada a 765 m de altitude, a ermida insere-se no castro do Bom Sucesso, monumento nacional.


 

Rui Jorge Martins
Imagem: D.R.
Publicado em 27.10.2020

 

 
Relacionados
Destaque
Pastoral da Cultura
Vemos, ouvimos e lemos
Perspetivas
Papa Francisco
Teologia e beleza
Impressão digital
Pedras angulares
Paisagens
Umbrais
Mais Cultura
Vídeos