Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura - Logótipo
secretariado nacional da
pastoral da cultura
Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura - Logótipo
secretariado nacional da
pastoral da cultura

Coro pede apoio para cinco obras de compositores portugueses e poesia de Tolentino Mendonça

Coro pede apoio para cinco obras de compositores portugueses e poesia de Tolentino Mendonça

Imagem Coro Regina Coeli | D.R.

O Coro Regina Coeli, que assinala em 2016 os 50 anos de existência, lançou um projeto de financiamento coletivo (“crowdfunding”) para apoiar a encomenda de cinco obras corais a igual número de compositores portugueses.

As obras serão concebidas por Alfredo Teixeira, José Luís Ferreira, Daniel Davis, Nuno da Rocha e Sara Ross, tendo como linha condutora o texto da antífona mariana “Regina Coeli”, que vai inspirar a poesia de José Tolentino Mendonça.

«Pretendemos aproveitar esta efeméride para apoiar o trabalho de compositores portugueses e alargar o repertório coral disponível para interpretação de agrupamentos corais, portugueses ou estrangeiros», lê-se no texto de apresentação do financiamento.

O projeto "Regina Coeli: 5 Décadas de História, 5 Obras para o Futuro" procura o montante mínimo de 2 500 € até 6 de janeiro, tendo angariado até agora 55%, ou seja, 1 396 €, através de 41 apoiantes. De acordo com as regras do “crowdfunding”, a verba só chegará ao Coro se as doações atingirem o valor pedido.



De janeiro a março, o Coro fundado em 1966 pelo maestro António Joaquim Lourenço preparará e ensaiará as cinco peças, incluindo-se uma sessão de ensaio aberto ao público



O valor da campanha cobre aproximadamente 40% do valor do projeto, sendo o restante assegurado com receitas próprias e o apoio da REN e da Junta de Freguesia dos Olivais, em Lisboa.

Os honorários dos compositores, maestro e direção musical, bem como o custo de quatro apresentações, em concerto, absorvem a maior parte dos restantes 60% da iniciativa.

Com a oferta de 5 €, ou mais, garante-se o «agradecimento no Facebook e nos programas de sala dos concertos», bem como um «convite duplo com lugares marcados para concerto de estreia das peças».

A doação de 10 € assegura, além dos benefícios acima indicados, o agradecimento na edição impressa das obras, enquanto 25 € adicionam a oferta de um saco comemorativo dos 50 anos do Coro.

O apoio de 100 €, que até agora foi dado por três pessoas, inclui a oferta da edição impressa das obras autografada pelos autores. Com 500 € é possível adquirir espaço publicitário nos suportes de comunicação do Coro e do projeto.



O Coro Regina Coeli «aborda um repertório muito vasto e variado, do qual fazem parte obras “a capella” do séc. XVI ao séc. XX, bem como as obras corais-sinfónicas do período barroco ao moderno e contemporâneo»



De janeiro a março, o Coro fundado em 1966 pelo maestro António Joaquim Lourenço preparará e ensaiará as cinco peças, incluindo-se uma sessão de ensaio aberto ao público.

Para abril está previsto o concerto de estreia, em Lisboa, a apresentação pública da partitura e concertos noutras localidades.

A 13 de agosto o Coro com cerca de 40 elementos interpretará na basílica de Nossa Senhora do Rosário, Fátima, o concerto “Alegrai-vos, Rainha dos Céus”, integrado no ciclo de música sacra que decorre no âmbito das comemorações do centenário das aparições.

A edição das partituras será realizada e financiada pelo mpMP – Movimento patrimonial pela Música Portuguesa.

Com direção artística do maestro Pedro Miguel, o Coro Regina Coeli, que conta no seu historial com dezenas de atuações em diversas cidades e eventos, «aborda um repertório muito vasto e variado, do qual fazem parte obras “a capella” do séc. XVI ao séc. XX, bem como as obras corais-sinfónicas do período barroco ao moderno e contemporâneo».









 

Rui Jorge Martins
Publicado em 24.11.2016

 

 

 
Relacionados
Destaque
Pastoral da Cultura
Vemos, ouvimos e lemos
Perspetivas
Papa Francisco
Teologia e beleza
Impressão digital
Pedras angulares
Paisagens
Umbrais
Mais Cultura
Vídeos