Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura - Logótipo
secretariado nacional da
pastoral da cultura
Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura - Logótipo
secretariado nacional da
pastoral da cultura

Bispo doa rim a jovem hindu: O gesto que surpreende a Índia

Imagem D. Mar Jacob Muricken | D.R.

Bispo doa rim a jovem hindu: O gesto que surpreende a Índia

É um gesto de tal maneira forte e eloquente do espírito jubilar do amor pelo próximo e da misericórdia por todos aqueles que estão em sofrimento, que suscitou, além de aplauso e admiração, críticas e perplexidade.

Quem é hostil aos cristãos, e, infelizmente, não são poucos na maior democracia do mundo, compreende que tal testemunho de fé e altruísmo não pode deixar de marcar as consciências e lançar pontes de diálogo sincero e desinteressado onde alguns querem, pelo contrário, dividir e impor o seu credo com a violência e a subjugação.

Acontece em Palai, no estado indiano de Kerala, onde o bispo auxiliar de rito siro-malabar, Mar Jacob Muricken, deu um rim a um jovem hindu gravemente doente e em perigo de vida, de família pobre e desafortunada por diversas circunstâncias, uma das quais a incompatibilidade de todos os familiares próximos para o transplante.

A decisão de D. Muricken nasce do encontro com outro extraordinário religioso, padre Davis Chimarel, fundador de uma associação que promove a doação samaritana, e que ele próprio praticou pela primeira vez em 2009, igualmente em favor de um concidadão de religião hinduísta. O seu exemplo luminoso e a sua pregação convenceram desde então uma quinzena de religiosos, incluindo algumas irmãs, a segui-lo no caminho verdadeiramente exigente da oblação de uma parte de si para o bem do próximo.

Num país que tem visto autênticas perseguições organizadas contra cristãos, como a de 2008 em Orissa, quando extremistas hindus massacraram quase 100 fiéis, para os quais se abriu recentemente a causa de beatificação enquanto mártires, e em que, há ainda poucas semanas, foi lançada uma petição popular para conseguir a libertação de católicos falsamente acusados de uma grave violação, o ato de amor do bispo é uma resposta que surpreende.

Surpreende porque se situa num plano totalmente diferente, distante de reivindicações, de propostas de diálogo, de ofertas de perdão. Diz, simplesmente que há um amor maior, aquele de quem está pronto a arriscar a própria vida pelo outro, qualquer que seja, sem nenhuma condição. O amor ensinado por Jesus e testemunhado por aqueles que têm a coragem de o seguir. Salvação para o jovem Suraj, que recebeu o rim, uma semente de reconciliação e convivência para toda a Índia.

 

Andrea Lavazza
In "Avvenire"
Trad.: Rui Jorge Martins
Publicado em 02.06.2016

 

 
Imagem Mar Jacob Muricken | D.R.
O gesto surpreende porque se situa num plano totalmente diferente, distante de reivindicações, de propostas de diálogo, de ofertas de perdão. Diz, simplesmente que há um amor maior, aquele de quem está pronto a arriscar a própria vida pelo outro, qualquer que seja, sem nenhuma condição
Relacionados
Destaque
Pastoral da Cultura
Vemos, ouvimos e lemos
Perspetivas
Papa Francisco
Teologia e beleza
Impressão digital
Pedras angulares
Paisagens
Umbrais
Evangelho
Vídeos