Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura - Logótipo
secretariado nacional da
pastoral da cultura
Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura - Logótipo
secretariado nacional da
pastoral da cultura

“A Assunção” e “A Anunciação”: Dois novos trípticos concluem programa de ícones da capela Imaculada

A Assunção

“A imaculada Mãe de Deus, a sempre virgem Maria, terminado o curso da vida terrestre, foi assunta em corpo e alma à glória celestial”.

Assim foi escrito pelo Papa Pio XII em 1950, no último dos dogmas papais, quando o dogma da assunção de Maria foi promulgado. A sua história é, está claro, muito mais longa, mas foi apenas aí, no rescaldo do terror da Segunda Guerra Mundial, e da necessidade de um símbolo de Deus salvador para todos, que foi formulado como dogma e recebeu um dia especial no ano, 15 de agosto.



Imagem "Assunção" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.


Sabendo que a opressão é um perigo sempre presente, Pio XII estava convencido que apenas a transformação interior da pessoa poderia trazer os resultados sociais que levassem a “procurar o bem do próximo”. Assim, meditando em como a Mãe Maria foi, de uma forma especial, parte no trabalho do seu filho, cuidando, caminho, e como depois foi elevada ao céu, para Deus, ele pensou que todos nós, os outros seres humanos, estaríamos mais capazes e dispostos a tomar parte no plano salvífico de Deus.



Imagem "Assunção" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.


A Assunção foi de corpo e alma, não apenas de alma. É dito que o corpo de Maria morreu, tal como morreu o corpo de Jesus que depois ressuscitou após três dias e foi arrebatado para Deus no céu. Tal como Jesus – com a diferença que enquanto Jesus era [é] filho de Deus e depois ascendeu para se reunir com a sua casa no céu (Ascensão), Maria como mero ser humano, teve de ser assumida por Deus num ato especial de misericórdia (Assunção).

Este é um ato místico e simbólico que dá uma imagem de esperança para todo o ser humano. Se Maria, como ser humano, pode ser assumida por Deus, assim também cada um de nós.



Imagem "Assunção" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.


Então, como dar uma forma visual a isto? Poderíamos ver isso ser elaborado de forma tradicional, com pinturas expressivas como o realismo-romântico: Maria com roupas esvoaçantes sendo transportada por milhares de anjos para um céu aberto. Quis que a situação fosse mais próxima para quem observa do que isso. Queria que víssemos este evento místico a acontecer da perspetiva de Maria. Algumas referências corporais – uma vez que foi assumida de corpo e alma – tiveram de ser usadas, mas não excessivamente explícitas. Usei as mãos, e apenas as mãos, uma vez que elas próprias carregam muita qualidade expressiva e narrativa. Nesta perspetiva escolhida, as mãos de Maria são quase passíveis de serem percebidas como as nossas próprias mãos, levantadas para serem encontradas e seguras pela firme e confiável mão de Deus e de forma segura elevadas ao céu.



Imagem "Assunção" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.


Foi com esta imagem simples que quis expressar como teria sido esta experiência para a Mãe Maria – e pode ser para todos. Como refere o teólogo Ludwig Ott: Como Maria completou a sua vida como um brilhante exemplo para a raça humana, a perspetiva do dom da assunção é oferecida para toda a raça humana.

O tríptico é para estar fechado todo o ano, exceto no dia 15 de agosto e dias próximos, quando estará aberto para as celebrações e outros eventos.



Imagem "Assunção" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.

Imagem "Assunção" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.

Imagem "Assunção" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.

Imagem "Assunção" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.

Imagem "Assunção" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.

Imagem "Assunção" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.

Imagem "Assunção" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.

Imagem "Assunção" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.




A Anunciação

Disse-lhe o anjo: «Maria, não temas, pois achaste graça diante de Deus. Hás-de conceber no teu seio e dar à luz um filho, ao qual porás o nome de Jesus. Será grande e vai chamar-se Filho do Altíssimo. O Senhor Deus vai dar-lhe o trono de seu pai David, reinará eternamente sobre a casa de Jacob e o seu reinado não terá fim.»

Esta foi a mensagem para a jovem virgem Maria. Com reagiu ela a isto – como reagiria qualquer um de nós?



Imagem "Anunciação" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.


Queria que ela fosse inocente, mas forte. De repente encontra-se numa situação que nunca tinha estado antes. No quarto aparece uma imponente pessoa-luz com uma mensagem tremenda – dirigida a ela e a mais ninguém. De imediato ela descobre a importância da mensagem, o alcance da tarefa que lhe está a ser confiada. Ela escuta aquilo para que foi escolhida a realizar, com os olhos grandes, mas com calma e serenidade. Ela tem apenas uma questão: Como será isso, se eu não conheço homem? Mas, ela aceita a resposta do anjo e a realidade do mistério. Ela levantar-se-á para o que for necessário e não vacilará. Ela é sensível, mas não uma sonhadora – pessoa prática, confiável, apenas neste momento apanhada no meio do seu trabalho diário. Esta é a figura de Maria que queria mostrar. A razão porque escolhi o tricotar como o seu trabalho foi a forma circular da meada, o círculo como sendo sinal da perfeição, e também da semente/ventre/feto, e as agulhas [tricô] como sendo ambas ferramentas para construção e ligeiramente perigosas.



Imagem "Anunciação" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.


Quis que o anjo Gabriel fosse do mesmo tamanho que ela – de certa forma o tamanho humano. Quis que a mensagem fosse intensamente entregue de forma direta, de pessoa para pessoa, mesmo que tenha sido entregue de Deus e por uma pessoa de roupas claras brilhantes com ouro. Penso que os mensageiros de Deus, muito mais frequente do que pensámos, nos encontram num nível horizontal e a partir daí pode ser suficientemente incrível…

O dia da Anunciação é a 25 de março, nove meses antes do nascimento de Cristo. O tríptico é para ser aberto neste e nos dias próximos dessa data para as celebrações e outros eventos e fechado o resto do ano.



Imagem "Anunciação" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.

Imagem "Anunciação" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.

Imagem "Anunciação" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.

Imagem "Anunciação" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.

Imagem "Anunciação" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.

Imagem "Anunciação" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.

Imagem "Anunciação" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.

Imagem "Anunciação" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.

Imagem "Anunciação" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.

Imagem "Anunciação" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.

Imagem "Anunciação" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.

Imagem "Anunciação" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.

Imagem "Anunciação" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.

Imagem "Anunciação" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.

Imagem "Anunciação" (det.) | Lisa Sigfridsson | Capela Imaculada, Braga | Fotografia: Joaquim Félix | D.R.




 

Lisa Sigfridson
Artista visual
Trad.: Filipe Alves
Fotografia: Joaquim Félix
Publicado em 15.08.2018

 

 
Relacionados
Destaque
Pastoral da Cultura
Vemos, ouvimos e lemos
Perspetivas
Papa Francisco
Teologia e beleza
Impressão digital
Pedras angulares
Paisagens
Umbrais
Mais Cultura
Vídeos